Gestão de dados de pesquisa

Pesquisas científicas geram dados e/ou são geradas a partir deles. Dados de pesquisa incluem documentos textuais, planilhas, estatísticas, cadernos de campo, diários, questionários, transcrições, arquivos de áudio, vídeo, fotografias, artefatos, dentre outras tipologias, a depender da área de conhecimento. 

Parte essencial das boas práticas de pesquisa, gerenciar dados de pesquisa tem sido preocupação de pesquisadores e agências de fomento.

Quais dados coletar; como descrever, preservar e assegurar a qualidade; definir onde e por quanto tempo armazenar são algumas das questões a serem analisadas.

Neste sentido, torna-se importante a elaboração de um Plano de Gestão de dados.

O Data Management Plan (DMP), ou Plano de Gestão de Dados, é um documento formal que descreve os dados produzidos durante um projeto de pesquisa e descrevem estratégias de gerenciamento de dados que serão implementadas durante e após a fase ativa do projeto de pesquisa. Os DMPs também descrevem detalhadamente todos os aspectos do gerenciamento de dados que ocorrerão durante todo o ciclo de vida dos dados da pesquisa, quando os dados estiverem sendo coletados, organizados, documentados, compartilhados e preservados.


Segundo o Digital Curation Centre (2013) algumas perguntas norteiam a construção de um DMP:

  • Quais dados você coletará ou criará?

  • Como os dados serão coletados ou criados?

  • Que documentação e metadados acompanharão os dados?

  • Como você administrará qualquer questão ética?

  • Como você vai gerenciar os direitos autorais e os direitos de propriedade intelectual?

  • Como os dados serão armazenados e armazenados durante a pesquisa?

  • Como você vai gerenciar o acesso e a segurança?

  • Quais dados devem ser mantidos, compartilhados e / ou preservados?

  • Qual é o plano de preservação a longo prazo para o conjunto de dados?

  • Como você vai compartilhar os dados?

  • São necessárias restrições ao compartilhamento de dados?

  • Quem será responsável pelo gerenciamento de dados?

  • Quais recursos você precisará para implementar seu plano?


 O Plano de Gestão de Dados:

  • Aumenta a eficiência das atividades de pesquisa ao economizar tempo e recursos;

  • Assegura a integridade dos dados e registros da pesquisa;

  • Aumenta o potencial de replicação de pesquisas;

  •  Permite que os dados sejam compreensíveis agora e no futuro.

Para tanto, os dados precisam ser fornecidos em condições que permitam a sua reutilização e redistribuição. Os Princípios FAIR (Findable, Accessible, Interoperable, Reusable) definem princípios para que os dados científicos sejam localizáveis, acessíveis, interoperáveis e reusáveis.


Existem ferramentas na web que facilitam a tarefa de escrever um Plano de Gestão de Dados:

 

 • DMP Tool. Criado pela Universidade da Califórnia, esta é uma das ferramentas mais utilizadas nos Estados Unidos.

 

 

 • DMPonline. Criado pelo Digital Curation Centre (DCC) da Universidade de Edimburgo, com o apoio do Comitê Conjunto de Sistemas de Informação (JISC), é praticamente uma ferramenta de uso oficial no Reino Unido. Atualmente, está sendo adaptado para uso em outros países e em outros idiomas.

 

 • PGDonline. É uma tradução espanhola de DMPonline mantida pelo Consórcio Madroño de Madri.

No caso do PGDonline, basta se cadastrar, escolher nome e modalidade e responder às perguntas. É possível, ainda, contar com orientações sobre como criar um Plano de Gestão de Dados.

 

Estas ferramentas disponibilizam centenas de modelos de planos que foram submetidos a um grande número de agências de fomento, para as mais diversas áreas do conhecimento e são de uso livre para qualquer usuário.


Para saber mais:

Aula da Fiocruz: Plano de Gestão de Dados (PGD)

Matéria da AGUIA USP: Curadoria de Dados de Pesquisa

Estudo técnico da ANPD (Autoridade Nacional de Proteção de Dados): A LGPD e o tratamento de dados pessoais para fins acadêmicos e para a realização de estudos por órgão de pesquisa


 

REFERÊNCIAS

SILVA, F. C. C. Como elaborar um plano de gestão de dados científicos. Biblioteca Universitária da Universidade Federal de Santa Catarina. Disponível em: http://cicloperiodicos.bu.ufsc.br/files/2018/05/OFICINA_-Como-elaborar-um-plano-de-gesta%CC%83o-de-dados-cienti%CC%81ficos-copia.pdf. Acesso em: 11 nov. 2020.

PRÓ Reitoria de Pesquisa UFSCar. Gestão de dados. Disponível em: http://www.propq.ufscar.br/pesquisador/gestao-de-dados-1. Acesso em: 11 nov. 2020.

AGUIA USP. Plano de gestão de dados. Disponível em: https://www.aguia.usp.br/apoio-pesquisador/dados-pesquisa/plano-gestao-dados-2/. Acesso em: 11 nov. 2020.