Ministério da Saúde prevê aumento dos casos de chikungunya em 2017

Em 2016 foram registrados cerca de 250 mil casos suspeitos da febre chikungunya no Brasil

Por Loane Carvalho

O Ministério da Saúde divulgou os registros de casos de infecção pelo vírus Chikungunya no País. Os dados informados pelo ministro da saúde, Ricardo Barros, prevêem um aumento significativo no Brasil em 2017.

Segundo dados divulgados pelo Ministério, os casos de zika e dengue devem se manter estáveis em 2017, enquanto os de chikungunya devem aumentar. "Este ano a nossa maior preocupação é a chikungunya”, informa o ministro. 

 

Infografico chikungunya

 Clique na imagem para ampliar 

 

 

A Comissão de Sustentabilidade e Conscientização Ambiental convida toda a comunidade do Campus São Paulo e do Hospital Universitário a participar ativamente dessa campanha de prevenção. Sua ajuda e envolvimento são fundamentais.

Informe-se, discuta e participe! Tenha ações transformadoras e divulgue-as!

 

Banner aedes

 

 

 

 

 

 

Pró-Reitorias

Unidades universitárias

Campi

Links de interesse