Observatório de Políticas Públicas e Centro de Memória da Zona Leste

OBSERVATÓRIO DE POLÍTICAS PÚBLICAS E

CENTRO DE MEMÓRIA DA ZONA LESTE DA CIDADE DE SÃO PAULO

Coordenador/Extensionista: Janes Jorge – Docente.

Contato: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Coordenador/Extensionista: Cléber Vieira – Docente.

Contato: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

ÁREAS TEMÁTICAS: Educação; Cultura

O Observatório de Políticas Públicas e Centro de Memória da Zona Leste tem como missão reunir e interpretar dados sobre a Zona Leste da cidade de São Paulo e a Região Metropolitana na qual se encontra inserida, promover estudos dos problemas sociais, urbanísticos e ambientais (emprego, moradia, transporte, serviços públicos, saúde, educação, cultura, áreas verdes, poluição, degradação dos rios, etc.), elaborar propostas de políticas públicas, preservar a memória e o patrimônio, promover ações que promovam o aprimoramento educacional e profissional dos moradores da região.

A proposta de criação do Observatório de Políticas Públicas e Centro de Memória da Zona Leste (OPPCMZL) surgiu no contexto de grande mobilização social pela expansão do ensino superior público na Zona Leste da cidade de São Paulo. Em 2009, quando das discusssões sobre a criação do campus, e paralelamente às ações de extensão universitária que foram implementadas na região, a proposta da criação do Observatório ganhou força e foi assumida pela UNIFESP.

O Observatório de Políticas Públicas e Centro de Memória da Zona Leste é um espaço para que a sociedade e a UNIFESP dialoguem e atuem conjuntamente para promover o desenvolvimento local, a cidadania e o conhecimento.

Projeto: Mapeamento e diagnóstico da documentação dos movimentos sociais da Zona Leste da cidade de São Paulo

Coordenação: Prof. Dr. Janes Jorge - UNIFESP

O objetivo do projeto é mapear, e caracterizar de forma básica, acervos documentais (jornais, boletins de entidades diversas, revistas, fotografias, memórias, audiovisual, etc.) dos movimentos sociais da Zona Leste paulistana, tendo em vista sua futura incorporação ao Observatório de Políticas Públicas e Centro de Memória da Zona Leste da cidade de São Paulo da UNIFESP, no campus Itaquera, Zona Leste de São Paulo. Atualmente, esse importante material se encontra disperso em entidades, igrejas, movimentos sociais ou com moradores, sem o respaldo de instituições voltadas à preservação patrimonial. Ou seja, com risco de se perder ou ficar inacessível indefinidamente. Com tal mapeamento e caracterização será possível dimensionar o volume desses documentos e identificar claramente os responsáveis por sua guarda, o que é fundamental para a elaboração de futuro projeto que viabilize a formação, a salvaguarda e a comunicação desses acervos, que poderão ser base para inúmeras pesquisas. O projeto pretende realizar seus objetivos a partir da colaboração de moradores da Zona Leste organizados em movimentos sociais e culturais. No âmbito da UNIFESP a pesquisa irá propiciar que o Observatório de Políticas Públicas e Centro de Memória da Zona Leste da Cidade de São Paulo e, portanto, o próprio campus do qual faz parte, sejam protagonistas de ação acadêmica relevantes. A constituição de um acervo relativo à Zona Leste é uma demanda antiga de lideranças comunitárias e movimentos vinculados ao desenvolvimento da região. Tal iniciativa é compatível com os objetivos do Observatório de Políticas Públicas e Centro de Memória. Tais documentos, reunidos e organizados de acordo com as normas arquivistas, permitirão a elaboração de pesquisas e usos que ajudem a documentar, compreender e problematizar a experiência histórica da Zona Leste de São Paulo, o que interessa tanto aos moradores da região e às suas lutas sociais, como também aos que investigam a urbanização em geral, os movimentos sociais e políticos, a participação da mulher na sociedade, a religiosidade e cultura populares. Para a comunidade universitária esse acervo pode fornecer dados para inúmeros trabalhos. Para os moradores da Zona Leste de São Paulo é um instrumento de reafirmação de sua identidade de luta em prol do desenvolvimento social.

Pró-Reitorias

Unidades universitárias

Campi

Links de interesse