Apresentação

A Universidade Federal de São Paulo tem compromisso de continuar a expansão do ensino superior público, no Estado com menor porcentagem de vagas públicas por habitante, e recebeu a incumbência da Presidenta da República, em agosto de 2011 (quando anunciados 47 novos campi federais no Brasil), de implantar três novos campi. Destes, o Campus Osasco já se encontra em pleno funcionamento e, em 2014 foi aprovado por unanimidade pelo Conselho Universitário a implantação do Campus Zona Leste, em terreno desapropriado pela Prefeitura em 2013.

    Ao longo de 2013 e 2014, com participação de especialistas do Brasil e do exterior, de movimentos sociais e profissionais de áreas afins, por meio de audiências públicas, seminários e workshop, formulamos a proposta de um Instituto cujo tema estratégico e aglutinador são as Cidades – cujas crises recentes (mobilidade, água e saneamento, moradia, meio ambiente, desafios da gestão integrada de metrópoles, violência, degradação dos espaços públicos, aumento das áreas de risco, desequilíbrios intraurbanos e regionais, imensas desigualdades sócio-espaciais etc) e a necessária pesquisa de soluções são hoje questões decisivas para o futuro das sociedades, com pesquisa e análise crítica, com a formação de profissionais engajados em sua transformação e a formulação de novas políticas públicas, no Brasil e no mundo.

    O Projeto Político Pedagógico do Instituto das Cidades foi resultado desse processo de discussão e mobilização. Sua redação final aprovada no Conselho Universitário de dezembro de 2014 está disponível em cópia digital neste link e impressa, graças ao apoio institucional do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Estado de São Paulo. A missão do Instituto das Cidades é favorecer espaços de ensino e aprendizagem, pesquisa e extensão, de forma interdisciplinar entre formações complementares, para resolução de problemas urbanos complexos, de modo a conceber, transformar e construir cidades melhores, mais justas e sustentáveis – e tornar-se importante referência regional em redes internacionais de pesquisas em cidades, que tem crescido enormemente, com novos centros não apenas na Europa e EUA, mas também na Índia, China, África e América Latina.

Pró-Reitorias

Unidades universitárias

Campi

Links de interesse