Terça, 15 Junho 2021 14:43

Programação artístico-cultural do Congresso Acadêmico Unifesp 2021 já está disponível

congresso026 atividades culturais PORTAL

A programação artístico-cultural do Congresso Acadêmico Unifesp 2021 já está disponível. Inscreva-se no congresso para participar das atividades, clicando aqui.

Serão três modalidades de atividades artístico-culturais: 

1 - Produções artístico-culturais: fruto de um edital de chamamento aberto a toda a comunidade Unifesp, criadas por docentes, servidores técnico-administrativos em educação e estudantes de diversos campi da instituição. Para visualizá-las, clique aqui.

2 - Pílulas culturais: vídeos de até 5 minutos, produzidos por grupos culturais da comunidade Unifesp que serão exibidos após as apresentações das palestras. Inscreva-se no congresso para acompanhar essas atividades.

3 - Programação cultural do intervalo: apresentações realizadas diariamente nos intervalos das mesas da tarde e da noite, das 18h às 19h. São produções de grupos culturais já consolidados nos campi ou decorrentes de parcerias. Além da exibição de vídeos, haverá espaço para que o público faça perguntas aos artistas. Recomenda-se adicionar as atividades na agenda, por meio da Plataforma Virtual do Congresso.

Confira a programação:

21/06: Exibição e debate sobre o vídeo "Metodologias da Presença - ANIMAL". Debatedores: Conrado Federici (Unifesp), Flavia Liberman (Unifesp), Marina Guzzo (Unifesp), Marcela Lopes (Unifesp), Guilherme Avelino (Unifesp), Bruna Avelino (Unifesp) - Laboratório Corpo e Arte/Baixada Santista;

Resumo
Metodologia da presença: resultado de um projeto de pesquisa e extensão realizado entre novembro de 2020 e fevereiro de 2021, um projeto de pesquisa e extensão universitária denominado "Metodologias da Presença". Tratou-se de uma plataforma remota de criação e invenção, para encorajar os participantes a produzir e compartilhar exercícios artísticos a partir de 3 proposições/ativações de presença, pensadas a partir de campos de ativação e desejo: CRIANÇA, PLANTA e ANIMAL. O resultado de cada tarefa mobilizou diferentes linguagens artísticas, tais como desenhos, narrativas, fotografias, performances, danças, ou mesmo passeios, que, registradas em pequenos vídeos, foram compartilhadas em uma plataforma virtual. Esse vídeo reúne os trabalhos realizados e compartilhados pelos participantes do projeto na tarefa ANIMAL.

22/06: Exibição e debate sobre o curta "Hoje sou felicidade" (2019). Debatedores: Chico Guariba (Ecofalante), Tiago Aguiar (diretor) e João Luís (co-roteirista) - Ecofalante;

Resumo
Hoje sou felicidade: de João Luís e Tiago Aguiar, foi o vencedor do Prêmio do público na última edição do Concurso Curta Ecofalante. No filme, Aldir Felicidade, negro, cadeirante, periférico e intérprete de samba 14 vezes campeão de desfile das escolas de samba no carnaval de Recife, conta: se faz samba, não é apesar das dificuldades, mas para enfrentá-las. O filme faz parte do catálogo da Ecofalante Play, plataforma de streaming educacional do Programa Ecofalante Universidades.

23/06: Exibição e debate sobre vídeo-encenações a partir do livro Sou Fogo, de Alex Araújo. Debatedoras: Carolina Erschfeld (diretora), Letícia Figueiredo (atriz), Fabiana Barbosa (atriz), Daiane Sousa (atriz) - Cia do Caminho Velho/Guarulhos

Resumo
Este projeto da Cia do Caminho Velho é a sua primeira criação feita diretamente para o vídeo com direção de Carolina Erschfeld e a partir de quatro contos-dramatúrgicos presentes no livro “Sou Fogo” de Alex Araújo. O livro possui como figuras centrais mulheres que são chamadas por “ela”. Cada conto traz uma mulher completamente diferente e fala sobre a resiliência das mulheres.

24/06: Debate sobre o documentário "O Tesouro Esquecido". Debatedores: Francisco Chagas da Costa Freitas (diplomata e colecionador) e Tom Ehrhardt (diretor) - Instituto Goethe. ATENÇÃO: O longa-metragem está disponível neste link e recomenda-se assistir ao filme antes do debate.

Resumo
Filme "O Tesouro Esquecido": Um tesouro está guardado em um local desconhecido em Brasília: a maior coleção particular de arte inconformista da RDA. Seu colecionador, o diplomata brasileiro Chagas Freitas, é a chave de um capítulo quase esquecido da história alemã. Talvez tenha sido o mais belo mundo paralelo da história da arte recente: a cena da arte não oficial da ex-RDA. Unidos em uma resistência silenciosa, mas obstinada, à ditadura e, ainda assim, conectados a ela em uma deslealdade apaixonada, individualistas introvertidos altamente qualificados criaram uma arte ainda pouco conhecida e estudada. Essa cena de arte ainda existe, mas enquanto especialistas previram que se tornasse famosa há 30 anos atrás quando caiu o muro, isso nunca chegou a acontecer na Alemanha reunificada. O TESOURO ESQUECIDO conta a história dessa arte e de seus artistas na perspectiva do diretor Tom Ehrhardt. Ele entrevistou e acompanhou Chagas Freitas e visitou diversos artistas, alguns com ele, alguns separadamente: Gabriele Stötzer, Eberhard Göschel. Artistas com Gerda Lepke, Max Uhlig, Stefan Plenkers, Peter Makolies, Karin Wieckhorst, Matthias Jackisch, Helge Leiberg, Hartwig Ebersbach, Angela Hampel e Sabine Herrmann. Suas falas oferecem um panorama da cena durante a ex-RDA e sua recepção na República Federal da Alemanha atual. O filme ainda mostra exposições de arte da ex-RDA de sucesso no passado recente, como “Point of no Return” e “Encounters” no mdbk Leipzig, “East German Painting and 19 and Sculpture” no Museu Barberini Potsdam, bem como as exposições da coleção de Chagas no Brasil.

25/06: Baterias unipespianas. Debatedores: Bruna Kiyomura (Codebloco/ São José dos Campos), Yasmin Brandão (Malaguetta/ Guarulhos), Bruna Perroni (Enfarta/ São Paulo), Bruno Casagrande (Maloca/ Diadema), Maria Luiza Fontes (Repicapau/ Baixada Santista), Richard Costa (Pirateria/ Osasco).

Resumo
Baterias unifespianas: Primeira vez que as baterias se reúnem para compartilhar sua história. Será exibido um vídeo-apresentação com duração de 31:13 minutos dividido em 3 blocos: apresentação de cada bateria; pautas do Ato de 2019, representatividade, importância e projetos sociais; descontração. Ao final do vídeo, seis estudantes (cada representante da Bateria) abrirão para conversa com os espectadores para tirar dúvidas que surgirão.
Lido 1991 vezes Última modificação em Sexta, 25 Junho 2021 08:39

Mídia