A descoberta poderá, futuramente, ser incorporada para o diagnóstico da doença com um exame ginecológico simples, antecipando a necessidade de procedimentos mais invasivos

Publicado em RELEASES