I Encontro de Educação e Permanência Indígena e Quilombola

Esse primeiro encontro celebra o compromisso da Universidade Federal de São Paulo junto ao Programa de Bolsa Permanência (PBP), instituído pela Portaria Ministerial 389/2013, a qual se configura como uma ação do Governo Federal na concessão de bolsas para indígenas e quilombolas matriculados nas agências de ensino federais. Assim ciente de sua responsabilidade e função social, a Unifesp estabelece parcerias com a sociedade civil e política na disseminação de informações acerca do referido Programa, principalmente, junto à essa população específica: indígenas e quilombolas.


Assim, a Unifesp busca garantir a permanência, a pré e pós-permanência criando um ambiente acolhedor, de diversidades, com a participação de coletivos e organizações que defendem as lutas das minorias étnico-racial, combatendo quaisquer tipos de violações e preconceitos geradores de instabilidade acadêmica. Busca também a efetivação de um ambiente antirracista, antissexista, contra-homofóbico, de modo a promover a igualdade e o respeito étnico-racial.
Além disso, nesse I Encontro, com a instalação da Comissão Interdisciplinar do Programa Bolsa Permanência Indígena e Quilombola tem-se por objetivo o acolhimento, acompanhamento e a promoção da educação, da assistência e ações afirmativas buscando a permanência e a conclusão de curso de estudantes indígenas e quilombolas, na esperança de uma sociedade emancipada.

Objetivos:
1 – Instalar a Comissão Interdisciplinar do Programa de Bolsa Permanência Indígena e Quilombola;
2- Estabelecer marco histórico e promover a reflexão sobre o debate político-acadêmico e o compromisso da Unifesp/sociedade nas questões étnico racial com ênfase na população indígena e quilombola;
3- Acolher, acompanhar e promover a assistência e ações afirmativas buscando a permanência e a conclusão de curso da população indígena e quilombola;
4- Trabalhar a sensibilidade de docentes, técnicos, estudantes e gestões para assuntos relacionados a educação e permanência de indígenas e quilombolas na Unifesp/sociedade.

 

PROGRAMAÇÃO


9h MESA DE ABERTURA:
Reitora, Pró-Reitora de Assuntos Estudantis, representante da Funai, representante da Fundação Cultural Palmares e representante da Cátedra Kaapora/Proec.
(Hino Nacional/Indígena e Hino à Negritude)

9h:30min: ATIVIDADE CULTURAL
Apresentação Artística com estudantes indígenas.

9h45min: Cerimônia de Instalação da Comissão Interdisciplinar PBP Indígena e Quilombola.
Coordenação: Profa. Dra. Andrea Rabinovici.

10h: MESA REDONDA
“A Educação de Indígena e Quilombola como uma questão de direitos humanos”.
Palestrantes:
Amaro Cosmo de Mesquita – Indígena do povo Potiguara da Paraíba.
José Rodrigues – Membro da Coordenação Nacional Quilombo – CONAQ .
Profa. Dra. Maria Aparecida de Laia – Coordenadora Geral da Coordenadoria dos Assuntos da População Negra – CONE.
Edgard Aparecido de Moura – Agentes de Pastoral Negros do Brasil.
Coordenação: Profª. Drª. Maria Liduina de Oliveira e Silva e Profa. Elisabete Pinto – PRAE/Unifesp.

11h 45 - DEBATE
Encerramento: Pautas e Compromissos

 

Data: 28 de abril de 2017

Local: Anfiteatro térreo do Prédio da Reitoria da Unifesp

Rua Sena Madureira nº1500

 

 

 

Pró-Reitorias

Unidades universitárias

Campi

Links de interesse