Sobre a tradução e carimbo em documentos

Apesar da Agência Parceira do PCsF informar ao candidato que aceita uma tradução simples dos seus documentos, desde que certificada pela Universidade (ou seja, com os devidos carimbos e rubrica), a orientação da Procuradoria  da União foi que, por ser a UNIFESP uma autarquia federal vinculada ao Ministério da Educação, esta não pode emitir, certificar ou autenticar nenhum documento que não seja em Língua Portuguesa. Caso o documento esteja em outro idioma que não seja o Português, seus servidores não possuem atribuição legal para certificá-lo, a não ser que este venha acompanhado de Tradução Juramentada.

Na Chamada Pública do Programa CsF está explícito que é de responsabilidade do candidato providenciar a tradução dos seus documentos, assim, o candidato que eventualmente precisar de histórico escolar traduzido com carimbo/rubrica da UNIFESP, deverá providenciar sua tradução junto a um serviço de tradução legalmente habilitado. Em seguida, trazer o histórico escolar original em Português  a sua tradução juramentada para a SRI chancelar suas folhas.

Os candidatos  inscritos para os EUA tem a opção de providenciar a tradução o seu histórico junto a um escritório de certificação, conforme consta no item 6.3 da Chamada Pública para os EUA:  “[...] As traduções certificadas, de custo mais baixo e válidas apenas para as universidades dos EUA, podem ser obtidas em um dos escritórios do Education USA relacionados no endereço http://educationusa-cienciasemfronteiras.org/traducoes/ [...]".

Os candidatos podem localizar um Tradutor Juramentado consultando na Internet as páginas eletrônicas das "associações de classe de tradutores juramentados".

Pró-Reitorias

Campi

Unidades Acadêmicas

Links de Interesse