×

Aviso

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 569
Segunda, 27 Dezembro 2021 13:27

Residente da Unifesp ganha Prêmio de Enfermagem Rainha Silvia da Suécia

Primeira edição nacional da premiação reconhece trabalho pioneiro de suporte digital a pacientes com câncer

portal premio enfermagem

O enfermeiro Jean Singh, que fez residência multiprofissional em oncologia na Unifesp, é o primeiro brasileiro a ganhar o Prêmio de Enfermagem Rainha Silvia da Suécia, após passar por um processo com 428 candidatos inscritos, envolvendo uma análise por um júri técnico e uma votação popular nas redes sociais.

“Essa premiação dá um novo brilho à enfermagem, uma profissão ainda desvalorizada no Brasil, e demonstra seu impacto na vida das pessoas. Como uma ciência do cuidado, ela vai muito além da consulta, do remédio ou do procedimento. Buscamos fazer a diferença desde a prevenção na atenção primária até em meio a tratamentos complexos, sempre tendo em vista a qualidade de vida do paciente”, diz o premiado a Veja Saúde, parceira da iniciativa.

Singh coordena a equipe assistencial da WeCancer, uma startup responsável por prover gratuitamente atendimento a distância (por aplicativo, telefone ou WhatsApp) a pessoas que se tratam de um câncer. O objetivo, após uma avaliação do paciente, é oferecer ferramentas de acesso a uma equipe multidisciplinar para tirar dúvidas, reportar sintomas e receber orientações remotamente − um modelo que se provou essencial em tempos de pandemia.

O vencedor do prêmio foi atrás de estudos e evidências científicas para criar os fluxos e protocolos de assistência, adaptados a uma interface tecnológica intuitiva e propícia à personalização do cuidado. Até o momento, foram mais de 4.900 pessoas atendidas pelo Brasil, 70% delas dependentes do sistema público de saúde.

portal premio enfermagem2Jean Singh, enfermeiro vencedor do prêmio. Foto: Vibe Saúde/Divulgação

Trajetória
 
Singh é natural de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, sempre estudou em escola pública e, com o apoio do Prouni (Programa Universidade para Todos), graduou-se em enfermagem pela Faculdade de Medicina do ABC.

O contato com pacientes com câncer na faculdade o estimulou a se especializar na área, o levando a fazer residência multiprofissional em oncologia na Unifesp e participando, na extensão universitária, do projeto AcolheOnco, que presta assistência fora do ambiente hospitalar, por telefone, a pacientes com câncer do SUS. Essa experiência viria a moldar muito do seu trabalho posterior.

Convidado a ser o primeiro enfermeiro da WeCancer, Jean ajudou a estruturar o modelo de atendimento da plataforma e hoje coordena o time de saúde da startup.

*Com informações da Veja Saúde

 
Lido 1773 vezes Última modificação em Terça, 11 Janeiro 2022 13:21

Mídia