Luís Fernando Prado Telles nacionalidade brasileira

Escola de Filosofia

Programa de Pós-Graduação: Letras

E-Mail: luis.telles@unifesp.br


41
11
Pular gráfico
De 2015 a 2024
Trabalhos publicados
Participações em projetos

Resumo

Professor de Teoria Literária da Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Possui bacharelado e licenciatura em Letras (1997), mestrado (2000) e doutorado (2009) em Teoria e História Literária pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Desenvolveu pesquisa de Pós-Doutorado junto ao Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas da Universidade de São Paulo (USP) durante os anos de 2013 e 2014. Possui especialização em Gestão Pública pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). É orientador credenciado junto ao programa de Pós-Graduação em Letras da Unifesp e líder do Grupo de Estudos de Narrativas em Situações Interdisciplinares (GENESIs), credenciado pelo CNPq, vinculado ao projeto de pesquisa Narratologia crítica: estudos narrativos interdisciplinares. É coordenador, desde 2019, do curso de Especialização em Literaturas de Língua Portuguesa: Identidades, territórios e deslocamentos- Brasil, Moçambique e Portugal, diferentes olhares (UNIFESP/UAB/CAPES), voltado à formação de professores da educação básica, do qual resultou uma coleção de dez livros. É coordenador, desde 2019, do projeto Lendo ComPaixão, destinado ao desenvolvimento de práticas de leitura compartilhada de literatura. É coordenador, desde 2020, do projeto intitulado Literatura Brasileira no XXI, desenvolvido em parceria com a SP Leituras, da qual resultou a criação do site www.lbxxi.org.br destinado à produção, circulação e crítica de literatura contemporânea e da revista Cadernos Acadêmicos: conexões literárias (ISSSN:2764-8192), da qual é editor. Desde de 2021, é membro relator do Comitê de Ética em Pesquisa da Unifesp. Tem experiências de gestão, de ensino e pesquisa nas áreas de Letras, atuando, principalmente, nos seguintes temas: teoria da literatura, teoria do romance, teoria da narrativa, narrativa contemporânea em literaturas de língua portuguesa, leitura compartilhada de narrativas literárias; narrativas em situações interdisciplinares.

Fonte: Lattes CNPq

Nomes em citações bibliográficas

TELLES, L. F. P.;TELLES, LUÍS FERNANDO PRADO


Exportar dados

Exportar produção no formato BIBTEX


Perfis na web


Tags mais usadas

Pular nuvens de palavras

Idiomas

Inglês

Compreende razoavelmente, Fala pouco, Lê bem, Escreve pouco

Francês

Compreende razoavelmente, Fala pouco, Lê razoavelmente, Escreve pouco

Espanhol

Compreende razoavelmente, Fala pouco, Lê bem, Escreve pouco

Italiano

Compreende razoavelmente, Fala pouco, Lê razoavelmente, Escreve pouco


Formação

  • Doutorado em Teoria e História Literária

    Narrativa sobre narrativas: uma interpretação sobre o romance e a modernidade (com uma leitura da obra de António Lobo Antunes)

    Orientação: Fabio Akcelrud Durão

    Universidade Estadual de Campinas

      Desde 2009

  • Mestrado em Teoria e História Literária

    O ensaísmo romanesco de José Régio (uma leitura do Jogo da Cabra Cega e do ciclo A Velha Casa)

    Orientação: Haquira Osakabe

    Universidade Estadual de Campinas

    1998 a 2000

  • Graduação em Bacharelado em Letras

    A Poética do Individualismo na Presença e a Teoria Literária de José Régio

    Orientação: Prof. Dr. Paulo Elias Allane Franchetti

    Universidade Estadual de Campinas

    1994 a 1997

  • Graduação em Licenciatura em Letras

    Universidade Estadual de Campinas

    1994 a 1997

  • Produção


    2022


    • Fundamentos teóricos para o estudo das literaturas de língua portuguesa (2022)

      Livro publicado ou organizado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte:

    • Metodologia da pesquisa do trabalho científico em literaturas de língua portuguesa (2022)

      Livro publicado ou organizado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Ligia Fonseca Ferreira

      Fonte:

    • Ensino e pesquisa em literaturas de Língua Portuguesa: desafios e propostas (2022)

      Livro publicado ou organizado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Simone Nacaguma; Luciano Gamez; Valéria Sperduti Lima

      Fonte:

    • Literaturas de Língua Portuguesa: identidades, territórios e deslocamentos: Brasil, Moçambique e Portugal, diferentes olhares (Coleção) (2022)

      Livro publicado ou organizado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Simone Nacaguma; Valéria Sperduti Lima; Luciano Gamez

      Fonte:


    2021


    • O renascimento do autor: autoria, heteronímia e fake memoirs (Resenha) (2021)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: METAMORFOSES. REVISTA DA CÁTEDRA JORGE DE SENA DA FACULDADE DE LETRAS DA UFRJ , v. 18 , p. 245

    • Lendo ComPaixão: depoimentos sobre um projeto de leitura compartilhada de literatura (2021)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Adriara Ferraz de Oliveira Nunes; Cristiane Batista Periago; Isabella Alves Candido do Sacramento

      Fonte: Cadernos Acadêmicos: conexões literárias , v. 1 , p. 316

    • Tão longe, tão perto Viagens na minha terrade Almeida Garrett e Conhecimento do infernode António Lobo Antunes, transtextualidades possíveis (2021)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Lara Silva Perussi Bertão

      Fonte: Cadernos Acadêmicos: conexões literárias , v. 1 , p. 2

    • O projeto literatura brasileira no XXI (2021)

      Capítulo de livro publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Simone Nacaguma; Pierre André Ruprecht

      Fonte: A biblioteca pública e a universidade: literatura brasileira no XXI acervo, acesso, leitura e criação , p. 11


    2020


    • Figurações do autor nas crônicas de António Lobo Nunes (2020)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Thaís Moreira de Oliveira

      Fonte: CONTEXTO - REVISTA DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS , v. 38 , p. 461

    • Os congressos da abraplip: o testemunho de uma memória em construção (2020)

      Capítulo de livro publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: I know not what tomorrow will bring : estudos de literaturas de língua portuguesa em tempos infaustos , p. 15


    2019


    • Sobre como não ir embora: memória e metanarrativa em Ainda estou aqui, de Marcelo Rubens Paiva (2019)

      Artigo publicado

      Autores: SILVA, MARICELMA DA; Luís Fernando Prado Telles

      Conteúdo completo

      Fonte: RAÍDO (ONLINE) , v. 13 , p. 130


    2018


    • AUTORIA, COMUNIDADE E A NOÇÃO DE PERTENCIMENTO: PRÁTICAS DE ESCRITA LITERÁRIA E SUAS INSTÂNCIAS DE LEGITIMAÇÃO SOCIAL (2018)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Conteúdo completo

      Fonte: CADERNOS CEDES (IMPRESSO) , v. 38 , p. 189


    2017


    • Literatura: uma forma de luta contra a desumanização do ser humano (2017)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Acta Scientiarum (UEM) , v. 39 , p. 103

    • A identidade trágica em O esplendor de Portugal ou sobre como exilar-se de si (2017)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: ITINERARIOS (UNESP. ARARAQUARA) , v. Especial , p. 13


    2016


    • A NARRATIVA QUE VENDE: a narrativa como mercadoria e como propaganda (2016)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Revista Letras (UFSM) online , v. 53 , p. ´13


    2015


    • A literatura como objeto de conhecimento: notas sobre o cânone e a pesquisa acadêmica (2015)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Fronteiraz (São Paulo) , v. 14 , p. 30

    • O PROFESSOR POETA E O POETA PROFESSOR CARLOS FELIPE MOISÉS (2015)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Abril (Niterói) , v. 7 , p. 235-244

    • Entrevista com Benjamin Abdala Jr. (2015)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Via Atlântica , v. 28 , p. 327

    • A universidade: instância legitimadora literatura? (2015)

      Trabalhos em eventos

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: XIV Congresso Internacional: fluxos e correntes trânsitos e traduções literárias

    • Os congressos da ABRAPLIP: o testemunho de uma memória em construção (2015)

      Trabalhos em eventos

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Anais do XXV CONGRESSO INTERNACIONAL DA ABRAPLIP


    2014


    • Desafios da leitura numa aula de literatura: entre o mito, a história e a ficção (2014)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Remate de Males , v. 34.2 , p. 531

    • A Presença da Literatura Portuguesa nas pesquisas de pós-graduação na Universidade de São Paulo (2014)

      Trabalhos em eventos

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: XI Congresso Internacional da Associação Internacional de Lusitanistas


    2012


    • Capítulo 2- Prática de Produção Textual (2012)

      Capítulo de livro publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Aline Cassol Daga; Fabiola Ferreira Sucupira Sell

      Fonte: Análise e Produção Textual I , p. 45

    • Capítulo 3 - Resumo e Fichamento (2012)

      Capítulo de livro publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Fabiola Ferreira Sucupira Sell; Aline Cassol Daga

      Fonte: Análise e Produção Textual I , p. 93

    • Capítulo 2- Resenha (2012)

      Capítulo de livro publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Aline Cassol Daga; Arice Tavares; Lucilene Lisboa de LIz

      Fonte: Análise e Produção Textual II , p. 39


    2010


    • Elementos da comunicação e suas formas de planejamento (2010)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Anuário da produção acadêmica docente (Anhanguera Educacional. Valinhos) , v. III , p. 149

    • Alguns aspectos da variação linguística (2010)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Anuário da produção acadêmica docente (Anhanguera Educacional. Valinhos) , v. III , p. 195

    • A "dança pastosa de estátua de cera" de planos espaciais e temporais em Os Cus de Judas (2010)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles; Bruna Tella-Guerra

      Fonte: Miscelânea (Assis. Online) , v. 7 , p. 353

    • Cemitério de Pianos (Resenha) (2010)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Remate de Males , v. 30.2 , p. 359


    2009


    • Nas trilhas do Lobo (2009)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Novos Estudos. CEBRAP , v. 83 , p. 219

    • O espelhamento narrativo em O Manual dos Inquisidores, de António Lobo Antunes (2009)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Anais do SETA (UNICAMP) , v. 3 , p. 636


    2008


    • A valsa das borboletas (2008)

      Textos em jornais de notícias/revistas

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Le Monde Diplomatique

    • Narrativa sobre narrativas: uma interpretação sobre o romance e a modernidade (2008)

      Trabalhos em eventos

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Anais do Seta

    • Uma dialética da narrativa em A ordem natural das coisas, de António Lobo Antunes (2008)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Fronteiraz (São Paulo) , v. 2 , p. 1


    2004


    • Tendências, recusas e retomadas da ficção brasileira contemporânea (2004)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Falla dos Pinhaes , v. 01 , p. 15


    2003


    • A questão do romance ou o romance em questão: uma leitura de Não entres tão depressa nessa noite escura, de António Lobo Antunes (2003)

      Trabalhos em eventos

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Anais do XIX Encontro de Professores de Literatura Portuguesa (Abraplip) , p. 580

    • A criação do mundo em Não entres tão depressa nessa noite escura, de António Lobo Antunes (2003)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Estudos Portugueses e Africanos , v. 41 , p. 51


    2001


    • O ensaísmo romanesco de José Régio (2001)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Sínteses (UNICAMP) , v. 6 , p. 409

    • Jogo da Cabra Cega ou o ensaio sobre a ironia (2001)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Estudos Portugueses e Africanos , v. 38 , p. 87


    2000


    • O trabalho das imagens (resenha) (2000)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Estudos Portugueses e Africanos , v. 35 , p. 63


    1997


    • Novas cartas inéditas de Antero de Quental (resenha) (1997)

      Artigo publicado

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Fonte: Estudos Portugueses e Africanos , v. 29 , p. 75

    Atuações

    Escola Ápice S/C. LTDA.

    • Professor de Gramática

      Celetista formal

      2001 a 2001

    Curso e Colégio Integral - Campinas

    • Corretor de redação

      Prestador de serviço

      2001 a 2001

    Centro Regional Universitário Espírito Santo do Pinhal

    • Professor

      Celetista formal

      2001 a 2003

    Faculdades de Campinas

    • Professor Assistente

      Celetista formal

      2002 a 2009

    Universidade de Taubaté

    • Professor de Literatura

      Autônomo

      2005 a 2005

    Universidade Estadual de Campinas

    • Professor

      2005 a 2006

    • Professor

      Bolsista PED-A

      2009 a 2009

    Anhaguera Educacional

    • Professor de Pós Graduação FAC3

      Celetista formal

      2009 a 2011

    • Supervisor Acadêmico de Pós Graduação-AESA

      Celetista formal

      2009 a 2011

    Falla dos Pinhaes

    • Membro de corpo editorial

      Desde 2004

    Fundação Cesgranrio

    • Corretor de Redação

      Livre presatação de serviços

      1999 a 1999

    Universidade do Estado de Santa Catarina

    • Professor

      2011 a 2012

    Fundação de Desenvolvimento da UNICAMP

    • Orientador Educacional de Língua Portuguesa

      Celetista formal

      2011 a 2012

    Etapa Educacional

    • Gerente de Produção Editorial

      2013 a 2013

    Universidade de São Paulo

    • Pesquisador

      Bolsista

      2013 a 2014

    Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

    • Professor Adjunto III

      Desde 2014

    Remate de Males

    • Membro de corpo editorial

      2013 a 2014

    Revista Letras Raras

    • Revisor de periódico

      2015 a 2015

    Raído (UFGD)

    • Revisor de periódico

      2016 a 2016

    FRONTEIRAZ

    • Revisor de periódico

      Desde 2018

    Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

    • Revisor de projeto de fomento

      2018 a 2018

    RAÍDO (ONLINE)

    • Revisor de periódico

      2019 a 2019

    Revista Brasileira de Educação RBE

    • Revisor de periódico

      2019 a 2019

    Revista Claraboia

    • Revisor de periódico

      2019 a 2019

    Universidade Federal de São Paulo

    • Professor Adjunto III

      Desde 2014

    CERRADOS (UNB. IMPRESSO)

    • Revisor de periódico

      2020 a 2020

    VEREDAS. REVISTA DA ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DE LUSITANISTAS

    • Revisor de periódico

      2020 a 2020

    REVELL ? REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS DA UEMS

    • Revisor de periódico

      2020 a 2020

    SCRIPTA (PUCMG)

    • Revisor de periódico

      2020 a 2020

    Cadernos Acadêmicos: conexões literárias

    • Membro de corpo editorial

      Desde 2021

    ALETRIA: REVISTA DE ESTUDOS DE LITERATURA

    • Revisor de periódico

      2021 a 2021

    Acta Scientiarum (UEM)

    • Revisor de periódico

      Desde 2021

    Ensino

    Orientações e supervisões

    Dissertação de mestrado em andamento

    • Talytha Cristine Ribeiro Duarte

      A simbologia da morte e do luto em A Desumanização, de Valter Hugo Mãe

      Mestrado em Letras

      Universidade Federal de São Paulo

      Desde 2022

    • Marina Ferreira Guilherme

      Vozes, silenciamentos e subjetividade em A hora da estrela, de Clarice Lispector, e Quarto de despejo, de Carolina Maria de Jesus

      Mestrado em Letras

      Universidade Federal de São Paulo

      Desde 2022

    • Francilene Monteiro da Silva

      Fantasmas, Monumentalidade, Iconoclastia e Reconstrução da História em As Naus, de António Lobo Antunes

      Mestrado em Letras

      Universidade Federal de São Paulo

      Desde 2021

    • Fernanda Monteiro Paranhos

      Insubmissas Vozes de Mulheres: as falas da subalternidade

      Mestrado em Letras

      Universidade Federal de São Paulo

      Desde 2021

    • Isabel Cristina Furtado de Medeiros Sampaio

      Literatura identitária nas séries iniciais do ensino fundamental: por um letramento literário antirracista

      Mestrado em Letras

      Universidade Federal de São Paulo

      Desde 2021

    Dissertação de mestrado concluídas

    • Thaís Moreira de Oliveira

      Performances autorais nas crônicas de António Lobo Antunes

      Mestrado em Letras

      Universidade Federal de São Paulo

      Concluído em 2022

    • Milena de Andrade Souto

      O lugar da adaptação na formação de leitores de literatura: o caso de Dom Casmurro adaptado para HQ

      Mestrado em Letras

      Universidade Federal de São Paulo

      Concluído em 2021

    • Carina de Lima Carvalho

      ?Mulher bonita, onde vais??: a construção do feminino em Niketche

      Mestrado em Letras

      Universidade Federal de São Paulo

      Concluído em 2018

    • Lara Silva Perussi Bertão

      Da terra ao inferno: uma viagem pelas narrativas e Almeida Garrett e António Lobo Antunes

      Mestrado em Letras

      Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

      Universidade Federal de São Paulo

      Concluído em 2018

    • Maricelma da Silva

      Memória e metanarrativa em Ainda estou aqui, de Marcelo Rubens Paiva

      Mestrado em Letras

      Universidade Federal de São Paulo

      Concluído em 2018

    • Fabio Takeji Iwasa

      A meta-memoria na obra memorialista de Pedro Nava

      Letras

      Universidade Federal de São Paulo

      Concluído em 2017

    Gestão

    Faculdades de Campinas

    • Coordenador do Curso de Redação e Linguagem Jurídica do curso de Direito das Faculdades de Campinas -FACAMP . De 2004 a 2007.

      Centro de Línguas

        Desde 2007

    • Coordenador do Curso de Língua Portuguesa das Faculdades de Campinas - FACAMP durante o segundo semestre de 2003

      Centro de Línguas

        Desde 2003

    Anhaguera Educacional

    • Supervisor do curso de Especialização Lato Sensu em Didática e Metodologia do Ensino Superior - Modalidade EAD

      Departamento de Pós Graduação e Extensão

        Desde 2011

    • Gestor Acadêmico de Conteúdo dos cursos de Pós-graduação na modalidade EAD

      Departamento de Pós Graduação e Extensão

        Desde 2011

    Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

    • Coordenador de Pós-Graduação Lato Sensu ? Curso Literaturas de Língua Portuguesa: Identidades, territórios e deslocamentos ? Brasil, Moçambique e Portugal, diferentes olhares

      UAB

    • Vice-Chefe do Departamento de Letras

      UNIFESP

        Desde 2017

    Pesquisa

    Universidade Estadual de Campinas

    • A recorrência ensaística na prosa ficcional de José Régio.

      Projeto de pesquisa vinculado ao mestrado financiado pela Fapesp, sob a orientação do Prof. Dr. Haquira Osakabe

      1998 a 2000

    • A poética do individualismo na Presença

      Projeto de iniciação científica desenvolvido na área de Literatura Portuguesa sob a orientação do Prof. Dr. Paulo Franchetti.

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      1996 a 1997

    • Projeto Leia

      Projeto desenvolvido pela Secretaria de Educação e Cultura da Prefeitura de Campinas juntamente com a Faculdade de Educação da Unicamp. O projeto propunha a realização de um trabalho de leitura e produção de textos utilizando os recursos das salas de computação das escolas da rede pública da cidade de Campinas.

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      1997 a 1997

    Universidade de São Paulo

    Universidade Federal de São Paulo

    • Texto e Contexto: línguas, literaturas e sociedades africanas de países de língua oficial portuguesa, francesa e inglesa

      A promoção da Leitura, em amplo aspecto, constitui princípio, meio e fim deste projeto de extensão. A partir da relação Texto/Contexto, isto é, partindo da abordagem de variados tipos de textos e obras, literárias ou não, buscar-se-á a discussão de questões antropológicas estreitamente ligadas à ficção, à arte e aos fundamentos da comunicação humana que estejam relacionadas ao contexto póscolonial bem como a problemas atuais nos países africanos. Propõe-se, dessa forma, a promoção de leituras como "leituras de mundo" (Freire, 2015), a serem desenvolvidas com diferentes grupos sociais em diferentes espaços, tais como bibliotecas públicas, museus, instituições culturais, escolas públicas de educação básica etc. Levando-se em conta a proposta Texto/Contexto, e considerando o princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão, este projeto visa ao diálogo interdisciplinar entre diversas áreas do saber (Linguística, Teoria Literária, Ciências Sociais, História, Educação, Artes, Filosofia) a fim de contribuir para o fomento de reflexões e difusão de conhecimentos sobre a literatura, a cultura, a história e sociedade dos países africanos de língua portuguesa numa relação dialógica com a história, a cultura, a língua e a literatura no Brasil. No entanto, como os cursos de Letras da UNIFESP oferecem formação em língua inglesa e francesa e suas respectivas literaturas, poderão, ainda, integrar este projeto atividades relacionadas aos países africanos anglófonos e francófanos, quando alinhadas ao eixo central do projeto. Este projeto é coordenado por docentes do Departamento de Letras da UNIFESP, está integrado ao NEAB/UNIFESP (Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros) e consiste também em um projeto de curricularização da extensão

      Autores: Luís Fernando Prado Telles

      Desde 2018

    • Especialização em Literaturas de Língua Portuguesa: Identidades, territórios e deslocamentos ? Brasil, Moçambique e Portugal, diferentes olhares

      O curso de Especialização em Literaturas de Língua Portuguesa: Identidades, Territórios e Deslocamentos: Brasil, Moçambique e Portugal, diferentes olhares é um curso de pós-graduação lato sensu que conta com a participação de professores de instituições de ensino superior públicas brasileiras e de professores de instituições de ensino superior estrangeiras pertencentes à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), em especial, de Portugal e Moçambique. O curso é desenvolvido no âmbito do Sistema da Universidade Aberta do Brasil (UAB) e é coordenado pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). O curso foi selecionado pela CAPES, por meio do Edital No. 05/2018, destinado a receber propostas das Instituições Públicas de Ensino Superior integrantes do Programa Sistema Universidade Aberta do Brasil ? UAB para ofertas de cursos superiores na modalidade a distância, com vagas prioritárias para cursos na área de Formação de Professores, em atendimento à Política Nacional de Formação Professores conforme Decreto 8.752, de 9 de maio de 2016. O curso encontra-se devidamente cadastrado no Sistema Integrado de Informações Universitárias (SIIU) da UNIFESP, tendo sido credenciado junto à Pró-Reitoria de Extensão e Cultura, cuja homologação se deu em reunião do Conselho de Extensão e Cultura da ProEC realizada no dia 16 de abril de 2020.

      Autores: Luís Fernando Prado Telles, leonardo gandolfi, Ligia Fonseca Ferreira, Simone Nacaguma, Rodrigo Soares Cerqueira, GUSTAVO SCUDELLER, HOSANA DOS SANTOS SILVA, CLEBER SANTOS VIEIRA, DEBORA GALVANI, BIANCA PEREIRA ARAUJO, RODRIGO CERQUEIRA DE SOUZA, ANA CLAUDIA ROMANO RIBEIRO, IARA ROSA FARIAS, MAIRA RIBEIRO MAXIMIANO DOS SANTOS, SUZANA DISIDERIO DA SILVA, CARLOS JOSE LIRIO

      Desde 2020

    • Literatura Brasileira no XXI: criação literária

      Este projeto está sob o guarda-chuva do convênio de cooperação técnica entre a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e a SP Leituras (Associação Paulista de Bibliotecas e Leitura), gerida pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, por meio da Unidade de Difusão Cultural, Bibliotecas e Leitura (UDBL). Contando com os docentes escritores do Departamento de Letras (Campus Guarulhos), a parceria intenta promover a leitura e análise críticas da Literatura Brasileira Contemporânea com vistas à própria escrita. Para que a criação literária aconteça, propõe-se oficinas de invenção sustentada em três enfoques integrados: 1) a ampliação do repertório dos leitores acerca da produção literária atual; 2) o estímulo à escolha e seleção refletidas desses textos; 3) a prática da escrita criativa como instrumento para formação de leitores críticos, não raro formadores de outros leitores, talvez, estimulando mesmo a profissionalização de novos autores.

      Autores: Luís Fernando Prado Telles, Pedro Marques Neto, leonardo gandolfi, Ligia Fonseca Ferreira, Júlio de Souza Vale Neto, Simone Nacaguma, Nataniel Ngomane, Juliana Silva Loyola, Ana Maria Machado, Maurina Lima Silva, Marcelo Lachat, Carina Carvalho, Luís Fernando Prado Telles, Francine Fernandes Weiss Ricieri, Simone Nacaguma, Rodrigo Soares Cerqueira, Pedro Marques Neto, Pierre André Ruprecht, Genésio Manoel e Silva, Sueli Regina Marcondes Motta, Acácia Berlese de Matos Dourado, Manuel da Costa Pinto

      Desde 2020

    • Literatura Brasileira no XXI: oficinas de crítica

      O presente projeto é parte do convênio de cooperação técnica estabelecido entre a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e a SP Leituras (Associação Paulista de Bibliotecas e Leitura), gerida pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, por meio da Unidade de Difusão Cultural, Bibliotecas e Leitura (UDBL). A parceria busca, por meio da expertise dos professores do Departamento de Letras (campus Guarulhos), formas de trabalhar e divulgar o acervo de Literatura Brasileira Contemporânea, composto pelos mais vários gêneros, disponível nas unidades da rede de bibliotecas do Estado. O ¿Projeto Literatura Brasileira no XXI: Crítica Literária¿ é uma das diversas frentes a partir das quais esse acervo será trabalhado. Seu objetivo principal é fomentar, através de oficinas e eventos de naturezas diversas, as habilidades críticas (ensaios e resenhas, principalmente) seja do público discente (graduação e pós-graduação), seja do público geral. Nesse sentido, o projeto não deixa de ser uma maneira de se pensar criticamente o país por meio da sua produção literária contemporânea. Apesar do seu caráter eminentemente extensionista, o projeto ainda está ligado à pesquisa. Faz parte do conjunto de objetivos o incentivo à produção de pesquisas (de Iniciação Científica e Mestrado) que tenham a Literatura Brasileira contemporânea como objeto. Dessa forma, com o acesso a um acervo tão variado, abre-se a possibilidade de diversificação das frentes de pesquisa, as quais, por meio de oficinas, seminários e apresentações as mais diversas, se converterão, por sua vez, em atividades de extensão e produção de conteúdo crítico para o site Literatura Brasileira no XXI, que já está no ar e pode ser acessado no seguinte endereço: http://lbxxi.org.br/

      Autores: Luís Fernando Prado Telles, Francine Fernandes Weiss Ricieri, Simone Nacaguma, Rodrigo Soares Cerqueira, Pedro Marques Neto, Pierre André Ruprecht, Genésio Manoel e Silva, Sueli Regina Marcondes Motta, Acácia Berlese de Matos Dourado, Manuel da Costa Pinto

      Desde 2020

    • Literatura Brasileira no XXI: cadernos acadêmicos

      O presente projeto é fruto do convênio de cooperação técnica estabelecido entre a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e a SP Leituras - Associação Paulista de Bibliotecas e Leitura, órgão de natureza cultural voltado à viabilização de políticas destinadas ao incentivo à leitura, tendo como principal papel gerir iniciativas da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, por meio da Unidade de Difusão Cultural, Bibliotecas e Leitura (UDBL). Vale salientar que o presente projeto articula-se a outros dois, intitulados, respectivamente, Literatura Brasileira no XXI: oficinas de crítica e Literatura Brasileira no XXI: oficinas de criação. Os três projetos têm como principal veículo de divulgação de suas ações o site que leva como nome a primeira parte do nome de cada projeto e que pode ser acessado no seguinte endereço: https://lbxxi.org.br No cômputo geral, os três projetos preveem um trabalho integrado entre Unifesp e SP Leituras no sentido da construção de uma curadoria do acervo sobre Literatura Brasileira atinente ao século XXI, disponível nas duas bibliotecas acima mencionadas, tendo como tripé básico a promoção da divulgação e do acesso ao acervo, bem como a produção e criação que possa ser fomentada pelo acervo. O presente projeto propõe um conjunto de ações de extensão que têm por finalidade fomentar a produção sobre determinado acervo compreendido pelo recorte ora proposto, bem como promover a divulgação da articulação entre ensino, pesquisa e extensão na universidade. O projeto prevê a participação ativa dos alunos das Unidades Curriculares de Literatura do Curso de Letras da Unifesp e a veiculação da produção dos resultados de pesquisa discente em nível de Graduação e Pós-Graduação em uma publicação de caráter periódico, que se constitui numa revista acadêmica intitulada Cadernos Acadêmicos. Sendo um projeto fruto da parceria entre Unifesp e SP Leituras, a relação com a sociedade se estabelece como base constitutiva do projeto, uma vez que atende duplamente as demandas da universidade e aquelas veiculadas pelos órgãos geridos pela SP Leituras, a saber as duas bibliotecas acima mencionadas e o público a elas vinculado.

      Autores: Luís Fernando Prado Telles, Simone Nacaguma, Rodrigo Soares Cerqueira, Pedro Marques Neto

      Desde 2020

    • Narratologia Crítica: estudos narrativos interdisciplinares

      O presente projeto de pesquisa toma como campo geral de investigação a narrativa e propõe-se a pensá-la em situações interdisciplinares, considerando-a em seus diversos modos de manifestação, seja como fenômeno verbal, materializado textualmente, ou como fenômeno audiovisual, veiculado em distintos suportes e mídias. São aqui consideradas situações de interdisciplinaridade aquelas em que se promovem relações entre a narrativa literária e demais tipos de narrativas presentes em outros universos discursivos fora do campo da literatura e que, portanto, se configuram como objetos de disciplinas de outras áreas. A pesquisa tem como objetivo geral, portanto, investigar a pertinência e a funcionalidade da narrativa literária em discursos outros, não literários; para tanto, procura investigar em que medida os elementos constitutivos da narrativa literária podem ser vistos como constitutivos de narrativas de outros campos discursivos, tais como os campos jurídico, jornalístico, publicitário, ou ainda os campos da mitologia, da religião, da história, da política, da saúde dentre vários possíveis. Para tanto, o projeto utiliza-se do aparato teórico que teve sua origem na análise da narrativa literária, a narratologia, em seus desdobramentos contemporâneos. O projeto considera, pois, a revitalização interdisciplinar dos estudos narrativos na contemporaneidade que levou a uma pluralidade de abordagens que tem suas raízes naquela teoria, mas que ao mesmo tempo rompem com seus limites. Assim, o interesse de investigação sobre os universais narrativos que caracterizou a narratologia em suas fases iniciais passou a ser ampliada no sentido de se dar mais relevância ao caráter histórico e contextual dos modos narrativos, bem como a promoção da investigação sobre suas funções cognitivas e epistemológicas. Sendo assim, o projeto estabelece a narrativa como objeto de investigação num sentido amplo, na medida em que esta pode se constituir como estratégia de construção teórica e argumentativa. A esse projeto de pesquisa está vinculado o Grupo de Estudos de Narrativas em Situações Interdisciplinares (GENESIs), reconhecido pela instituição e credenciado pelo CNPq.

      Desde 2019

    • A constituição da área de estudos literários nos cursos de Letras das primeiras universidades brasileiras

      Este projeto propõe a realização de um estudo sobre a constituição da área de estudos literários l como campo de ensino e de pesquisa nas primeiras universidades brasileiras, por meio da investigação de suas formas, instrumentos e veículos de expressão, documentação e divulgação, tais como programas de ensino, teses e dissertações produzidas, centros de estudos e associações constituídos, revistas acadêmicas especializadas. O projeto prevê a compilação e a centralização de informações e de documentos que possam revelar o percurso histórico de constituição dos estudos literários como área de ensino e de investigação acadêmica.

      Desde 2019

    • Lendo Compaixão

      Lendo com paixão constitui-se num projeto destinado à criação de espaços de leitura compartilhada de textos literários dentro do ambiente universitário e fora dele que tem como objetivo resgatar e desenvolver a experiência da leitura de fruição, em que os participantes possam travar um contato com o texto literário de forma genuína, que proporcione um envolvimento passional do leitor com o texto, provocando-o a expressar suas visões de mundo e suas experiências particulares de leitura. O presente projeto toma como pressuposto que o prazer da leitura do texto literário e o envolvimento passional do leitor com o texto é fundamental para a criação de oportunidades de reflexão, construção de análises mais plenas de sentido e que possam fazer diferença na vida do indivíduo. A construção do conhecimento proporcionada pelo texto literário, aqui, é entendida como indissociável do envolvimento passional do leitor com o texto.

      Autores: Luís Fernando Prado Telles, Simone Nacaguma

      Desde 2019

    Atualização Lattes em 2022-09

    Processado em 2024-06-21