Bandar Live Casino
Segunda, 06 Junho 2022 10:11

Campus Osasco da Unifesp terá R$ 6,5 milhões do MEC para finalização de obras

Reunião em Brasília também discutiu a demanda por docentes e TAEs para Unifesp, além da obra da biblioteca do Campus Osasco

Da esquerda para a direita: Dan Levy, Luciana Onusic, Wagner Vilas Boas, Nelson Sass e Larissa Beltramin (Créditos: Larissa Beltramin/Arquivo Pessoal)
Equipes da Reitoria e do Campus São Paulo reunidas com o MEC (Créditos: Larissa Beltramin/Arquivo Pessoal)

Na última quinta-feira (2/6), o reitor da Unifesp, Nelson Sass, esteve reunido na Secretaria de Educação Superior (SESu) do Ministério da Educação (MEC), em Brasília, com o secretário da pasta, Wagner Vilas Boas de Souza. O reitor esteve acompanhado pela diretora acadêmica do Campus Osasco, Luciana Massaro Onusic, pelo assessor de Relações Institucionais da Unifesp, Dan Rodrigues Levy, e pela assessora de Gestão e Normas da reitoria da Unifesp, Larissa Beltramin.

Na pauta da reunião, constaram a finalização do edifício acadêmico do campus, no Bairro Quitaúna, a demanda por docentes e servidores(as) técnicos(as) administrativos(as) (TAEs) para a Unifesp e o apoio de custeio às atividades da residência médica e multiprofissional do Hospital São Paulo (HSP/HU Unifesp), hospital-escola da universidade.

O reitor e a diretora acadêmica do Campus Osasco apresentaram ao secretário a situação atual da obra do edifício acadêmico no bairro Quitaúna e a necessidade de priorização máxima dos recursos para a sua finalização. “Também pontuamos preocupação com o cenário de bloqueio orçamentário de 14,5% do orçamento das Instituições Federais de Ensino Superior (IFES) ocorrido na última semana”, ressaltou o reitor.

No encontro, o secretário Wagner Vilas Boas de Souza se comprometeu com o repasse à Unifesp do valor de R$ 6,5 milhões, por meio de Termo de Execução Descentralizada (TED nº 7436) da SESu/MEC. “Também tratamos da importante demanda de vagas docentes e TAEs para a Unifesp, além do apoio do MEC diante da situação da residência médica e multiprofissional em razão da crise do Hospital São Paulo, nosso hospital-escola da Unifesp”, salientou Nelson Sass.

O reitor aproveitou a reunião para convidar o ministro da Educação, Victor Godoy Veiga, para visitar a obra, em estágio de finalização, do Campus Osasco, com o pedido estendido ao próprio Secretário, Wagner Vilas Boas de Souza.

Reunião no Ministério da Justiça e Segurança Pública

MEC MJSP Portal 1
Equipes da Reitoria e do Campus Osasco reunidas com o MJSP (créditos: Larissa Beltramin/Arquivo Pessoal)

Após o compromisso no MEC, o reitor Nelson Sass e os(as) integrantes da comitiva da Unifesp estiveram presentes na reunião, desta vez no Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), cuja pauta tratou da atualização sobre a obra da biblioteca do Campus Osasco, financiada com recursos do Fundo de Direitos Coletivos e Difusos (FDD).

Pelo Departamento de Projetos de Políticas de Direitos Coletivos e Difusos do MJSP, estiveram presentes Paulo de Tarso Cancela Campolina de Oliveira, presidente do Conselho do FDD; Fábio Eduardo Arruda, coordenador de Análise; Fabiane Veiga Azzi de Oliveira, chefe de Divisão de Análise; e Andrea D’Albuquerque, diretora do Departamento de Projetos e de Políticas de Direitos Difusos.

O Presidente do Conselho do FDD ressaltou a importância e magnitude do projeto em execução pela Unifesp, numa área de interesse para as políticas públicas. O reitor, por sua vez, reafirmou o compromisso da universidade com a busca de recursos para o reajuste e reequilíbrio econômico-financeiro visando à execução da obra da Biblioteca do Campus Osasco. Sass relatou a reunião realizada na mesma tarde com a SESu/MEC, para a priorização da liberação do recurso no valor de R$ 6,5 milhões.

A diretora do Campus Osasco, Luciana Massaro Onusic, ainda informou no encontro sobre a institucionalização do Centro de Estudos da Ordem Econômica (CEOE) como órgão complementar da Unifesp, coordenado pelo professor Ivan César Ribeiro, com aprovação do Conselho Universitário da Unifesp, e os avanços na implementação do projeto.

Lido 397 vezes Última modificação em Sexta, 10 Junho 2022 14:11

Mídia