Sexta, 18 Agosto 2023 15:12

Cátedra Sustentabilidade e Visões de Futuro da Unifesp realiza primeiro encontro presencial

Evento contou com apresentação de trabalhos e trocas de conhecimentos focados na Sustentabilidade, Bem Viver Social e Ambiental

Por José Luiz Guerra

Mesa de abertura do I Encontro da Cátedra Sustentabilidade e Visões de Futuro da Unifesp. Da esquerda para a direira: Dan Rodrigues Levy, Zysman Neiman, Raiane Assumpção, Debora Galvani e Andrea Rabinovici
Mesa de abertura do I Encontro da Cátedra Sustentabilidade e Visões de Futuro da Unifesp. Da esquerda para a direira: Dan Rodrigues Levy,
Zysman Neiman, Raiane Assumpção, Debora Galvani e Andrea Rabinovici

Foi realizado no último dia 16 de agosto, no Anfiteatro da Reitoria da Unifesp, o I Encontro da Cátedra Sustentabilidade e Visões de Futuro da Unifesp. O evento propiciou a apresentação de cerca de 40 trabalhos, oriundos de todos os campi da instituição, e contou com a participação de estudantes, servidores(as) docentes e técnicos(as) administrativos(as) em educação que trabalham com o tema sustentabilidade e integram a Cátedra.

Andrea Rabinovici, vice-coordenadora da Cátedra
Andrea Rabinovici, vice-coordenadora da Cátedra

Compuseram a mesa de abertura a reitora, Raiane Assumpção, o chefe de Gabinete, Dan Rodrigues Levy, a pró-reitora de Extensão e Cultura, Debora Galvani, o coordenador da Cátedra Sustentabilidade e Visões de Futuro, Zysman Neiman e a vice-coordenadora, Andrea Rabinovici.

Dan Rodrigues Levi, chefe de Gabinete da Unifesp
Dan Rodrigues Levi, chefe de Gabinete da Unifesp

Andrea Rabinovici iniciou o evento agradecendo o apoio da Reitoria ao evento e da atuação dos(as) servidores(as) e dos membros(as) da Cátedra e celebrou a participação dos(as) inscritos(as). “Temos pessoas de todos os campi apresentando trabalhos nas áreas de gestão, ensino, pesquisa e extensão. Isso representa a diversidade que esperamos ter na Cátedra”. A vice-coordenadora destacou atividades em andamento , dando como exemplo o curso de especialização em Educação Socioambiental e Sustentabilidade, promovido pela Cátedra, em parceria com a Universidade Aberta do Meio Ambiente e Cultura de Paz (UMAPAZ). “Estamos iniciando a segunda turma, ambas com 45 vagas. É importante pensar que são 45 professores(as) atuantes na rede municipal e o potencial multiplicador disso é enorme, por meio da realização de atividades de educação ambiental com seus(suas) alunos(as). Na primeira edição tivemos 300 inscritos e na segunda, já são mais de 400”, completou.

Debora Galvani, pró-reitora de Extensão e Cultura da Unifesp
Debora Galvani, pró-reitora de Extensão e Cultura da Unifesp

Dan Rodrigues Levy, disse ser uma honra participar deste evento, tanto como representante do Gabinete da Reitoria quanto como membro da Cátedra. “A sustentabilidade faz parte da minha área de pesquisa no Campus Osasco. Muita coisa que já fizemos e ainda pretendemos fazer na universidade tem muita relação com a Cátedra e com esse evento. Levy lembrou que a universidade se destacou na área da sustentabilidade no ranking THE Impact Rankings 2023, da revista Times Higher Education (THE). “Precisamos fazer muito ainda na área e a Cátedra é o órgão que pode nos ajudar a desenvolver esses tipos de ações. A sustentabilidade, a democracia, a ética e a transparência estão entre os nossos valores no Plano de Desenvolvimento Institucional e nos planos diretores de Infraestrutura (PDInfra) e sabemos que não existe democracia sem a proteção do meio ambiente, da vida e sem a garantia de um mundo mais sustentável para todos(as)”, completou.

Raiane Assumpção, reitora da Unifesp
Raiane Assumpção, reitora da Unifesp

“É um prazer participar deste evento, pela primeira vez como pró-reitora de Extensão e Cultura. Acompanhei o nascimento da Cátedra enquanto estava na coordenação de Direitos Humanos e entendo que esta ocasião é uma oportunidade de se abrir para outras particularidades”, destacou Débora Galvani. A pró-reitora ressaltou ainda que a Proec/Unifesp está absolutamente disponível para demandas da Cátedra.

Zysman Neiman, coordenador da Cátedra
Zysman Neiman, coordenador da Cátedra

Raiane Assumpção iniciou sua fala cumprimentando a coordenação da Cátedra e parabenizando pela realização do evento. “A programação está bastante intensa e diversa, o que demonstra a importância do tema e a centralidade que ele tem nas ações conjuntas da nossa universidade. É um tema que perpassa a gestão, pois quando falamos de sustentabilidade, falamos desde o departamento que cuida da questão do lixo, da energia renovável e sustentável, como também da sustentabilidade das contas”. A reitora afirmou também que o tema engloba a dimensão econômica, social, cultural e ecológica, com o pensamento voltado para todas as formas de vida, além de estar no centro das discussões no contexto nacional e internacional. “O Estado brasileiro precisa olhar para a sustentabilidade, no sentido de recolocar o Brasil na discussão mundial e apresentando propostas sobre como nos mantemos no local em que vivemos. Os inúmeros trabalhos colocados hoje demonstram o quanto a nossa universidade pode contribuir com isso” Raiane completou sua fala desejando sucesso ao evento.

Apresentação de trabalho realizada durante o evento
Apresentação de trabalho realizada durante o evento

Finalizando a mesa de abertura, Zysman Neiman destacou que o evento foi a concretização do objetivo inicial da Cátedra. “A ideia sempre foi discutir sustentabilidade, estabelecendo conexões de pessoas que atuam em uma temática, por natureza, multidisciplinar, com muitos atores que ofereçam perspectiva de colaboração. É necessário que haja na nossa universidade uma força coletiva capaz de revelar a nós mesmos a importância da sustentabilidade, que é um conceito ainda em construção. Portanto, a própria universidade poderia começar a criar um conceito interno sobre o que é sustentabilidade e colaborar com debate internacional e com as políticas públicas”. O coordenador falou também que a Cátedra é mais do que um grupo de pesquisa, um órgão ou um projeto de extensão, mas a soma de tudo isso e destacou alguns feitos resultantes do trabalho do grupo como a criação do curso de especialização em Educação Socioambiental e Sustentabilidade, o curso de extensão em parceria com o Instituto Democracia e Sustentabilidade (IDS), eventos em parceria com o Serviço Social do Comércio (SESC-SP), além da participação de representantes da Cátedra em órgãos colegiados governamentais, como os conselhos municipal e estadual de educação.

Apresentação de trabalho realizada durante a Cátedra
Apresentação de trabalho realizada durante a Cátedra

*Fotos: Alex Reipert

Lido 906 vezes Última modificação em Terça, 05 Setembro 2023 12:52

Mídia