Bandar Live Casino
Terça, 24 Janeiro 2023 08:46

Reitora pro tempore e ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar visitam projeto de horta comunitária

O projeto piloto foi criado pela Unifesp em parceria com o Espaço Cultural Jardim Damasceno visando difundir conhecimento sobre plantas medicinais

Por Pedro De Biasi

Visita ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar 4
A reitora pro tempore Raiane Assumpção destacou a necessidade de produzir ciência para transformar a sociedade

A reitora pro tempore da Unifesp, Raiane Assumpção, e o chefe de Gabinete, Dan Rodrigues Levy participaram neste sábado (21/10) de um evento com o ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar, Paulo Teixeira. O encontro se deu no Espaço Cultural Jardim Damasceno, localizado na Brasilândia, Zona Norte de São Paulo (SP), e incluiu uma visita à horta comunitária do local e diálogos sobre a promoção da agricultura familiar e da alimentação saudável.

Também estiveram presentes a apresentadora e chef de cozinha Bela Gil, a superintendente do Itaú Educação e Trabalho Ana Inoue, e representantes de diversas organizações, como o Instituto A Cidade Precisa de Você, o MST Grande São Paulo, a Comuna da Terra, o curso Ecocidade e o coletivo Perifa Alimenta.

Visita ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar 1
Ana Inoue, da Fundação Itaú, Bela Gil, a reitora pro tempore Raiane Assumpção, o ministro Paulo Teixeira e o chefe de gabinete da Unifesp, Dan Levy, visitam projeto de horta comunitária

Do corpo discente da Unifesp, marcaram presença as estudantes Caroline Nunes, Thamara Sauini, Ana Vitória Silva Ferreira e Gabrielle Medeiros Dainezi. Elas são participantes do Projeto Horta Medicinal – Brasilândia, projeto piloto criado pela universidade em parceria com o Espaço Cultural Jardim Damasceno para difundir conhecimento sobre plantas medicinais.

O ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar destacou a importância de articular as ações locais com projetos do poder público. “Em lugares como este, podemos fazer uma série de programas governamentais, como hortas sem agrotóxicos que recuperam saberes ancestrais sobre alimentos saudáveis, cozinhas comunitárias que oferecem comida mais barata e acolhem as pessoas, projetos de formação e geração de emprego e renda”, exemplificou Teixeira.

Ele destacou também a parceria entre a Universidade Federal de São Paulo e o Espaço Cultural Jardim Damasceno para a criação do Projeto Horta Medicinal na Brasilândia. “Temos que fortalecer experiências como essas no bairro, pois são uma forma de alimentação da alma e conquista de saúde e cidadania”, afirmou.

Em sua fala, Raiane Assumpção ressaltou a importância de unir a ciência com os saberes populares e manter a universidade pública pronta para atender as demandas da sociedade. “Nós entendemos que não há como produzir ciência se não for uma ciência comprometida com a transformação das pessoas e da sociedade, então nós estamos à disposição para desenvolver esse trabalho conjuntamente”, complementou a reitora pro tempore da Unifesp.

Visita ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar 3 Visita ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar 2
Estudantes da Unifesp envolvidas no projeto participaram do encontro com a reitora
pro tempore Raiane Assumpção e o chefe de gabinete da Reitoria, Dan Levy

A importância dos projetos alimentares e agrícolas para a população também foi abordada por Bela Gil, que enalteceu a iniciativa da horta comunitária. “Sempre fico muito feliz e bato palmas para todas a pessoas envolvidas nesses projetos que fazem a comida saudável de verdade chegar na mesa de todos e todas”, elogiou.

Os(As) participantes do encontro também foram convidados(as) para conhecer a horta instalada no Espaço Cultural Jardim Damasceno e degustar receitas preparadas com os produtos cultivados no local.

Fotos: Pedro De Biasi

 

Lido 363 vezes Última modificação em Segunda, 06 Fevereiro 2023 13:09

Mídia