Bandar Live Casino
Quarta, 12 Janeiro 2022 17:03

Projeto do ICT/Unifesp realiza ações socioambientais em comunidades carentes

Por Lauren Steffen

enactus

O projeto Enactus Unifesp São José dos Campos busca realizar ações de transferência de conhecimento socioambiental e tecnológico em comunidades em situação de vulnerabilidade na região de São José dos Campos por meio de cursos, visitas técnicas, palestras e dinâmicas.

Vinculado ao Programa de Extensão e Pesquisa do ICT/Unifesp - PEPICT: Sociedade Sustentável e Meio Ambiente, o projeto iniciou em 2019, tendo sido oficialmente registrado em abril de 2020. O objetivo é desenvolver capacidades organizacionais, de liderança, empreendedorismo, colaboração, pensamento crítico e de divulgação científica nos discentes participantes.

A professora conselheira do projeto, Danielle Maass, contou sobre a motivação para o desenvolvimento do projeto. “Por conta do meio científico do ICT/Unifesp, nosso time nasceu acreditando no potencial de aplicação da ciência e da tecnologia em projetos de transformação social a fim de mudar a realidade econômica, social e ambiental de São José dos Campos. Hoje, fazemos disso nossa missão”.

Junto com a professora Danielle, atualmente, participam cinco professores da rede pública de ensino e 34 discentes de graduação do ICT/Unifesp. Os parceiros externos mais frequentes são Obra Social Magnificant, Fundação Cargill, Sumitomo Chemical, Vale Solution, Brechó 012, Brechó da Frida e Escola Estadual Márcia Helena Barbosa Lino.

Entre as atividades, está a realização de levantamentos das necessidades socioeconômicas e socioambientais em São José dos Campos a fim de que os discentes possam desenvolver ações que tenham impacto direto na qualidade de vida dos habitantes locais, trazendo benefícios e promovendo o conhecimento de questões ambientais e de desenvolvimento sustentável nas comunidades e escolas participantes. Além disso, os participantes também divulgam os cursos do ICT-Unifesp em escolas da cidade e da região e promovem simpósios e encontros com a presença de profissionais, cientistas e empresários de destaque na área de desenvolvimento de tecnologias sustentáveis.

No momento, duas ações estão sendo realizadas simultaneamente. O projeto Ecoplan tem o objetivo de estimular a educação ambiental e fomentar lideranças conscientes entre jovens na rede pública de ensino por meio de aulas sobre arduíno e sustentabilidade. Os conhecimentos aprendidos são implementados na criação, em conjunto com os alunos, de um sistema de irrigação inteligente na horta da escola. O desenvolvimento dessa etapa do projeto é realizado em parceria com o projeto Forges, também do ICT/Unifesp. Dessa forma, o projeto busca retornar alimentos para a merenda e promover uma economia de água. A segunda ação em andamento é o projeto Revalorize, que capacita mulheres desempregadas de baixa renda do bairro Pinheirinho, na cidade de São José dos Campos, para a confecção e venda de cosméticos artesanais como meio alternativo para a geração de renda. “Esses cosméticos reutilizam resíduos orgânicos que apresentam benefícios para a pele, ou seja, úteis no dia a dia, como o óleo residual e a borra de café. Dessa forma, reduzimos o impacto negativo no meio ambiente, enquanto promovemos um incremento econômico na renda familiar de mulheres periféricas”, destaca a professora Danielle.

Em função da pandemia, atualmente, as ações do projeto vêm sendo realizadas de forma híbrida. No caso do projeto Ecoplan, foi criado um perfil no TikTok para engajar os alunos nas aulas online e um protótipo vertical em conjunto com os alunos aplicando o que foi aprendido de forma presencial na Escola Estadual Márcia Helena Barbosa Lino. Além disso, foram propostos desafios para promover a aplicação dos conhecimentos de forma virtual. Já o projeto Revalorize focou na consolidação das vendas dos sabonetes confeccionados pelas participantes no formato de delivery e na realização de oficinas descentralizadas por meio de aulas online e presenciais individuais.

A atuação do projeto já foi reconhecida por várias instituições e premiada em diversos eventos. O Enactus Unifesp SJC ficou entre os finalistas do Advanced Stage Impact Award promovido pelo 77 Film Festival e do Prêmio Consciência e Ética no Agronegócio Sumitomo Chemical. O projeto Ecoplan esteve entre os finalistas do Evento Vitrine, promovido pela ONG Argilando e se classificou entre os semifinalistas do Prêmio Alimentação em Foco 2021 da Fundação Cargill. Já o Revalorize foi selecionado para participar do Pontapé Empreendedor, uma iniciativa do Instituto Semear.

Lido 1231 vezes Última modificação em Quinta, 20 Janeiro 2022 09:08

Mídia